A gent visita o Circo Nacional, que fica num hall em forma de disco voador. É bem imprecionant. O mais imprecionant é o pulador de corda que pula deitado – eu nao tenho ideia como alguem pod pular corda deitado de costas, pulando com as costas e a bunda, mesmo que sejam só uns centímetros do chao. E tamem os artistas de trapézio, beeem la em cima. Uma artista foi lansada até cuase o teto do circo, e vem pra baixo mexendo os brassos como uma hélice, e dev ser segurada pelo cara que vem chegando pela outra balansa, o cara nao consegue pegar a hélice e ela cai direto. Ainda bem que tem a red em baixo. O austríaco Reiner acha que eles deviam concentrar mais os sforsos em outras áreas, mas eu nao sei se o pessoal taria tao melhor se essa área foce ignorada. Afinal tamem gent pobre precisa de panis et circences, pao e circo, ou no caso da Coreia do Nord, arroz e circo.

A noit a jent vai no Festival Arirang, ke vai ser apresentada pela última vez. Vem no mínimo uns 100 000 spectadores, e tem a mesma cuantidad de artistas. Alguns milhares ficam sentados nas arkibancas no outro lado do stádio e a funsao deles é ficar segurando placas de diversas cores, diretament ao lado de outras placas, funcionando como pixel de imajens, cuadros e letreros, de milhares de metros cuadrados. Pra tudo funcionar perfeitament no ritmo serto, eles tem ke ficar batendo cos pé no chao, e é uma barulhera alucinant. No gramado milhares de pessoas formam imajens ke mudam em poucos segundos, uma explosao de cores, formas e movimento. Ece pessoal é realment specialista de sincronizassao. Pra mim o melhor foram os atletas ke sao catapultados sentenas de metros, voando elegantment e atravessando o stádio intero pra finalment cair na red. Essa foi a última vez ke o Festival Arirang foi apresentado, provavelment ele vai ser substituído por um outro, ke vai ter elementos semelhants, mas provavelment eles vao inventar algumas coisas novas tamen.

No dia seguint a jent visita a casa onde Kim Il Sung nasceu, claro ke é um santuário, como muitos por aki. Depois a jent vai andar de metrô, eles até blokeiam um vagao pra ke a jent nao tenha ke entrar em contato com essa jentinha. Claro, nao tem museu ou stassao de metrô sem cuadros dos Kim. Na volta a jent vai num trem cheio de coreano, ke a jent pegou o trem no meio do caminho e seria ridículo tirar todo mundo do vagao. Daí a jent visita o Museu do Metrô. A maior trabalhera, o museu tem 19 salas, ond sao mostrados os soldados eróicos da brigada de construssao, e claro, sentenas de cuadros e fotos dos Kim. O cara era um multi-talento, ele devia tar bem ocupado, afinal foi ele ke scolheu pessoalment as cores das stassoes de metrô. Alen do mais ele keria o metrô fundo e moderno. Bom, fundo ele ainda é, em média 100 m de profundidad, as vezes mais fundo. O metrô mais fundo do mundo, ke pod tamen ser usado como bunker contra bombardeios. Numa pared se ve a red do metrô, com as duas linhas ke tao funcionando e mais as tres ke ja tao planejadas faz tempo. Em baxo dos nome das stassoes se ve strelas, e o número de strelas correspond ao número de visitas ke o Kim Il Sung fez nakela stassao. Os nomes das stassoes nao tem nada a ver com o nome do bairro ou da rua, você tem ke saber ond akela stassao é. As stassoes se chamam Marcha de Tochas, Vitória, Camarada, etc. O mais facinant é o lugar no metrô ond o Kim Il Sung foi fotografada com os soldados ke construiram o metrô, ece lugar ta marcado na maket tridimensional. Dev ser um lugar bem májico.

Eu combinei cos brasilis da embaxada ke eles vem me buscar no hotel pra jent ir tomar umas brama, infelizment eles nao podem vir e tamen nao podem me avisar. Se eu tivece um selular, nao teria problema, mas eu tou sem. Da pra mandar e-meil do correiozinho no hotel: você spera na fila, preenche o formulário, screv o e-meil no único outlook do único computador (todo mundo ke vem depois pod ler) e depois pedir pra mulher do correio mandar. Mandar um e-meil custa 6 reais, checar se tem e-meil pra você custa só 4. Da ora, né.

Kim pergunta pra jent – o país aki se chama República Popular Democrática – se a jent ker ficar na sidad e continuar vendo monumento ou sair pra Nampo, no litoral, e ele ja previne a jent ke a infrastrutura la ta meio fraca, porkê a rejiao foi seriament atinjida pelas enchent. A maioria ker sair mesmo acin, e dessa forma a jent vai por uma strada de pista kíntupla em cada diressao, por ond passa um carro a cada 10 minuto – mesmo acin ela é necessária, se tiver uma guerra pros tanc poderem passar. Claro ke ela nao ta lizinha, um país nessa crise nao pod manter strada acin perfeitinha.

No hotel é pra ter água kent entre 19 e 20 oras, as banhera ja tao cheia com uma água meio marron, essa é a água fria, e é pra misturar com a água kent. E nao é pra soltar a água depois de usada, porkê o encanamento ta kebrado e sai água por tudo ke é canto. Infelizment só vem uns pingo de água kent, e o jeito é dar uma lavadinha sem tomar banho. Alguns participants do grupo reclamam ke tem aranha grandona no cuarto, no meu cuarto só tem uma fininha, e eu provavelment nao fasso part da dieta diária dela. Nada é muito perfeito aki, mas a iluminassao decorativa do lado de fora funciona perfeitament. E o pessoal do hotel tenta compensar as falhas tecnicas com sforso e simpatia. Cuando a jent sai do hotel, eles vem todos acenar. Provavelment nao é uma reassao spontanea, aki tem pouca coisa ke acontece spontaneament, mas é melhor cortesia sob comando ke falta de cortesia sob comando. A propósito, em Nampo se pod ver uma grand barrajem.

O kim splica os problemas do país com o boicot internacional contra o país, provavelment ele nao tem outra saída. Em part ele dev ter razao, mas o boicot certament nao é o único motivo. O país tinha muita indústria, mas o pessoal nao vivia melhor ke em outros países comunistas. Daí o mundo comunista sfarelou, e ninguen mais keria comprar os produtos industriais do país, e desd entao eles tao passando um mau bocado. Agricultura só tem numa faxa streita no sul, o resto é montanha. Pra colheita eles muitas vez usam foice ke nao sao maior ke uma tesoura, e eles praticament nao tem combustível pra levar os produtos pros mercado. Eles tao tentando atrair investidor, mas muitos vem e vao de novo, porkê tem muito problema burocratico causado pela paranóia do governo. O ke a Norde Korea exporta mais é dinhero falso e droga sintetica. E desenho animado – diz ke tem muito filme do Walt Disney ke foi feito pelo menos em part aki.